Homenagem às mães
O vídeo abaixo é uma singela homenagem às mães, utilizando uma mensagem institucional do Banco do Brasil para a data.
É belíssimo!
Casa do Pai, coração de mãe!
No 5º Domingo da Páscoa, quando neste ano celebramos também o Dia das Mães, Jesus apresenta a Casa de Deus como um grande “Coração de Mãe”, onde sempre cabe mais um, onde todos têm lugar, de maneira especial aqueles que se sentem mais aflitos e perturbados. Ninguém deve se sentir intruso na Casa do Pai, e é por este motivo que, dentre as inúmeras expressões utilizadas para designar a natureza da Igreja e de sua missão, estejam os termos “Santa Mãe” e “Casa de Deus”. Desde o início de seu pontificado, nas palavras, nos gestos e nas escolhas, o Papa Francisco tem feito questão de apresentar com insistência ao mundo a Igreja como Casa e Mãe. Assim ele o faz a exigir que nossas paróquias não funcionem como uma espécie de alfândega pastoral, que se mantenham sempre de portas abertas e que os cristãos, a começar pelos clérigos e religiosas saiam por estas portas para irem ao encontro das periferias existenciais. O Papa também nos provoca quando instala no próprio Vaticano banheiro, hospedaria e lavanderia para atendimento da população sem teto que circula pelo centro de Roma, ao fazer questão de almoçar, conversar e estar junto com presidiários, mendigos, crianças e idosos abandonados. Estas atitudes do Papa Francisco são de uma profunda fidelidade aos ensinamentos do Mestre Jesus e querem demonstrar que na Casa de Deus todos, sem exceção tem direito a teto, comida, terra, trabalho, agasalho, dignidade. O mesmo Espírito que animou Cristo em sua missão, que despertou os primeiros diáconos para o serviço (Cf. At 6,1-7) e que impulsiona o Papa Francisco, também deseja agir em nós. Que saibamos aprender, a exemplo das mães que hoje celebramos, modos criativos de sermos efetivos colaboradores na construção de um mundo onde todos se sintam em casa, onde o respeito seja a regra e o cuidado com a criação o modo de vida. Parabéns a todas as mães e que Deus nos abençoe. Frei Gustavo Medella, OFM  (www.franciscanos.org.br)

Nenhum comentário:

Postar um comentário